Resenha

[RESENHA] “Um amor de gato”, de Melinda Metz por Editora Record

Boa noiteeeee!!!!

Explosão de fofura com essa história, em que a maioria dos acontecimentos são por conta de um gato muito esperto, que está preocupado em arranjar um companheiro de bando para sua humana.

Uma história romântica e divertida.

Venham conhecer ela logo abaixo.

Amante de bichinhos, cuidado! Esse gato vai roubar seu coração. Jamie Snyder tem 34 anos e é solteira, mas não está “na pista”. Depois de enfrentar O Ano do Homem Com Medo de Compromisso, O Ano do Homem Egoísta e O Ano do Homem que se Esqueceu de Mencionar que Era Casado, ela está pronta para aproveitar o “Meu Ano” sozinha ― exceto pela companhia de MacGyver, claro. MacGyver é um gato tigrado adorável com o hábito não tão adorável de fugir de casa à noite e furtar coisas dos vizinhos. Isso mesmo, MacGyver é um gato cleptomaníaco. Ele permanece sendo o único macho em quem Jamie confia ― e o único companheiro de que ela precisa.MacGyver sabe que sua humana está solitária. Ele sente o cheiro da solidão dela. O mesmo cheiro que identificou no vizinho David, um jovem confeiteiro ― e gato, por assim dizer ― cansado da insistência dos amigos em arrumar uma namorada para ele. E é aí que MacGyver assume o caso. Primeiro, ele furta algo de David e guarda o objeto na casa de Jamie. Em seguida, surrupia algo de Jamie e deixa com David. Em pouco tempo, os dois começam a devolver os objetos furtados, a compartilhar histórias horríveis de relacionamentos fracassados, e a tentar não se apaixonar. Mas eles não vão conseguir fazer MacGyver de bobo. Quando humanos geram essa quantidade de calor, só lhe resta agir como um gato em teto de zinco quente.

 

Pra quem não sabe, sou gateira assumida! Amo todos os bichinhos, mas tenho uma predileção maior por gatos ( que meu cachorro, Budy, não saiba disso).

Recebi este livro em uma das caixas do Clube de Romance da Carina, no ano passado, e fiquei babando nessa capa fofa, e encantada por essa sinopse. Não restava sombra de dúvidas: eu seria fisgada por essa história!

Todos nós temos uma pequena noção de que os animais possuem uma percepção melhor que os humanos, e por isso nosso GRANDE PROTAGONISTA, MacGyver, sente que sua humana, Jamie, não está muito bem, e através de seu olfato, percebe que seu problema é solidão. Mac então se vê na obrigação de achar um companheiro de bando para sua humana.

Jamie já passou por várias decepções amorosas, e após a morte da mãe, decide respirar novos ares. Ela se muda para outra cidade, indo morar no Conjunto Residencial Contos de Fadas (onde cada casa era inspirada em um conto de fadas). Ela decidiu também que não se envolveria com nenhum homem neste ano, além de deixar de dar aulas de histórias, e se dedicar em descobrir uma nova profissão que a fizesse feliz. Mas, Mac tem outros planos para ela 😉

David é um excelente confeiteiro, que ainda tenta superar a morte da esposa, com a companhia de Catioro (seu cachorro, que Mac chama de Babacão), ele tenta ir deixando sua tristeza de lado, mas seu “cheiro de solidão” atrai Mac, que decide que ele é o companheiro de bando ideal para Jamie.

Mac começa então a sair escondido a noite e pegar objetos de David e levar até Jamie. Só que nessas suas aventuras, ele percebe que há mais pessoas no condomínio que precisam de sua ajuda, e vai pegando e largando objetos nas outras casas.

Mac encarou a escuridão. Devia haver alguém naquele lugar novo que pudesse pertencer a Jamie do jeito que ela pertencia a ele. Mas sua humana seria incapaz de encontrar essa pessoa por conta própria.

Sem problema. MacGyver cuidaria de tudo

A verdade é que estes sumiços de objetos causam a maior confusão, colocando Jamie em maus lençóis…

Quando Jamie e David enfim se encontram, sentem que há algo parecido entre eles, e é aí que Mac vê seus planos começarem a surtir efeito. O que Mac não esperava, era que seus humanos precisassem superar algumas pendências, para assim poderem ficar juntos.

O livro é escrito em terceira pessoa, e consegue transmitir muito bem os pensamentos e sentimentos dos protagonistas.

Enquanto Jamie busca algo que lhe dê emoção e prazer de fazer, David tenta superar o luto, guardando apenas os bons momentos ao lado da esposa. Duas pessoas em busca de um recomeço, que têm em comum a solidão e o desejo de um futuro feliz, e que graças á um gatinho muito esperto, têm seus destinos entrelaçados.

Às vezes David achava que falava demais com o cachorro. Mas, se você tem um animal de estimação, você fala com ele. Era bem provável que Jamie conversasse com MacGyver também.

A jornada de Mac não foi a de apenas unir este casal, mas tentar mudar a vida de várias pessoas, fazendo com que elas enxergassem que sua felicidade habitava o Conjunto Residencial Conto de Fadas.

A história é muito bem construída, me fazendo desejar que Jamie e David ficassem juntos logo, e depois que se encontraram, a história deles foi acontecendo de forma bem natural. Os personagens secundários também tem papel fundamental aqui, onde cada um é importante em algum momento da história, além de terem suas vidas mudadas por este gatinho encrenqueiro.

Leitura leve e divertida, que os gateiros vão surtar de amor, e que até mesmo os que não são tão chegado assim aos bichanos, se verão completamente apaixonados.

 

4 comentários em “[RESENHA] “Um amor de gato”, de Melinda Metz por Editora Record

  1. Nunca li um livro em que um dos personagens principais fosse um pet.
    Adorei o enredo e fiquei muito curiosa para saber sobre todas as proezas que esse gato irá aprontar e se ele de fato irá conseguir juntar vários casais.

  2. Amoo suas resenhas que envolve animais 😍 Já sou fã do Mac, quero um para mim kk. Já adoreii a história de como se desenrola o encontro entre os personagens, já sei que se eu ler vou amar então já está na minha lista, espero ler em breve e poder conhecer mais de Jamie e David 🥰 .

  3. ola Renata
    que gatinho fofo esse Mc Giver .gostei do nome rsrs
    aqui na minha rua tem um gato igualzinho a esse que voce postou na foto de vez em quando ele foge de casa deixando sua dona maluquinha
    geralmente não sou de ler romances que tem animais como ponto inicial ,mas esse romance parece tão gostoso de ler
    Quero acompanhar a trajetoria de Jamie e DAVID e desse gatinho fofo
    bjs

  4. Renata!
    Achei demais a ideia do livro de tazer um gato como protagonista e ‘cupido’, mostrando a visão dele sobre os humanos.
    E também quero saber como esses atrapalhados vão se encontrar e se darem bem.
    cheirinhos
    Rudy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s