Parceria · Resenha

[RESENHA] “Te juro amor em silêncio (Príncipes do Diamante Livro 1)”, de Raiza Varella

Boa noite!!!

Ela está de volta, e voltou com tudo!

Raiza Varella lançou na última sexta-feira o primeiro livro de uma série que promete fortes emoções.

Cada livro contará com um casal de protagonistas.

Hoje iremos falar sobre o primeiro casal: Roberta e Átila.

Só posso dizer pra vocês que devorei este livro, fui trabalhar sem dormir, e me apaixonei por tudo aqui.

Confiram abaixo a resenha do primeiro livro da série Príncipes do Diamante 😉

 

Ela
Eu o chamo de Ms. Foda Fantástica.
Ele ainda não me conhece, mas por causa das paredes finas dos nossos apartamentos eu sei tudo a respeito dele.
Faz 39 dias que o cretino se tornou meu vizinho de porta.
Faz 39 dias que o cretino me faz pecar.
Faz 39 dias que eu não durmo direito por causa das suas “noites agitadas”.
Faz 39 dias que eu não penso em outra coisa a não ser me sufocar com o travesseiro.
Eu o odeio.
Eu o odeio como nunca odiei ninguém.

Ele
Ela me odiava.
Ela não foi como as outras garotas.
Ela não perdeu o rumo na minha cama.
Ela não arrancou as roupas e gritou dentro do meu apartamento.
Ela fez pior.
Ela me contou todos os seus pecados dentro do elevador e condenou minha alma ao inferno porque agora não tem nada que eu deseje mais do que tê-la para mim. O problema é que Roberta Brasil já é de outro.

Bem-vindos ao Edifício Souza’s Pallace, meu nome é Atila Benite, e essa é a história de como nós dois pulamos de mãos dadas da sacada do sétimo andar, rumo ao silêncio de um sentimento proibido.

Compre aqui

Quer um livro pra se divertir e se emocionar? Além disso você vai se apaixonar por estes personagens, querendo guardar eles num potinho.

Esta é a improvável história de amor entre uma garota solitária e um garoto mais rodado que prato de microondas kkk Ela é Roberta. Ele é Átila.

Roberta é uma órfã que cresceu em um convento, e só saiu de lá quando atingiu maior idade e foi estudar Direito. Apesar de ter sentido a dor do abandono, Roberta é grata a tudo que tem e à todos que cruzam seu caminho. Prova disso, é o fato dela dar nomes à todas as suas coisas favoritas, tais como: a bolsa é Charlote, o celular Waldemar, e por aí vai. Ela conta com a ajuda de Kaique, seu noivo, a quem chama carinhosamente de Diabo, por ser um homem que parece não ter coração e escrúpulos.

Átila é um dos quatro filhos do famoso joalheiro Joaquim Benite. Ele é um dedicado médico, ao mesmo tempo em que é um mulherengo, que toca o maior terror em sua pobre vizinha, afinal são muitos gritos e gemidos para a coitada ouvir a noite de seu apartamento.

O que esses dois poderiam ter em comum? Algo que apenas o joalheiro foi capaz de perceber de primeira, e ainda deu uma bela mãozinha para o destino juntar esses dois.

Meu pai soube antes de mim que a freirinha era a mulher da minha vida.

A união desse improvável casal enfrenta alguns obstáculos, entre eles algo doloroso do passado de Átila, que lhe deixou marcas profundas que nem o tempo e o carinho de sua família foi capaz de cicatrizar.

Acompanhamos uma história cheia de reviravoltas, numa leitura em que nos divertimos e nos emocionamos. Uma coisa legal da Raiza, é que seus livros não tem aquelas enrolações ou páginas e páginas pra descrições.

Um beijo salgado com gosto de era uma vez.

Ela não merece páginas em branco.

Roberta merece de mim uma história.

Adorei toda a dinâmica da família Benite, com um pai ao ponto de enlouquecer com seus filhos “pestes”, que conseguiram até mesmo sumir com seu amado iate! Ele conta com a ajuda de sua inseparável bengala para colocar, ou ao menos tentar, juízo na cabela de seus filhos. Ao mesmo tempo em que não passa a mão na cabeça das “razões de que ainda vai ter infarto”, ele faz de tudo para proteger Átila, Romeo, Leo e Gael. Um paizão desses, bicho.

Os filhos do joalheiro são conhecidos pela mídia como Príncipes. Cada um dos príncipes traz uma história triste de seu passado. Além disso cada um deles possui um anel com uma pedra diferente, em que o joalheiro aguarda ansiosamente pra entregar o par de cada um destes anéis. O do Átila a pedra é a opala.

O par do meu anel.

O par do meu rumo.

Não importa quantos anos tenham se passado, por dentro eu ainda estava perdido.

Estava à espera dela.

Da única garota do mundo capaz de me dar um rumo.

Há outros personagens secundários, como Rodrigo e Bruna, que acabam nos surpreendendo quando conhecemos suas histórias.

Me diverti, me emocionei, me apaixonei… Enfim, uma leitura daquelas de nos virar do avesso, algo que Raiza Varella faz em um piscar de olhos.

Uma história de amor, família, amizade e perdão, que nos traz a lição de que muitas vezes nossos sentimentos não cabem em palavras, que atitudes são capazes de demonstrar tudo aquilo que não dizemos.

Apaixonada estou por cada um destes personagens, até mesmo Kaique, o nosso vilão. E agora estou aqui pensando e esperando pra conhecer as outas histórias dos Príncipes do Diamante.

 

Participe do comentário premiado de setembro clicando aqui

 

7 comentários em “[RESENHA] “Te juro amor em silêncio (Príncipes do Diamante Livro 1)”, de Raiza Varella

  1. Amei a história, mas agora estou anciosa, querendo saber o restante dos romences dos outro 2 filhos do joalheiro, Leonardo e Romel, já que Gael tem a Bruna, procurei pelos outros livros da série, mas cadê? Que não acho

  2. Eita Renata!
    Fiquei até sem fôlego com essa história, juro!
    Tão curiosa por saber como esses dois vão acabar se interessando um pelo outro e se vaõ mesmo viver uma intensa e tórrida história de amor.
    Quero conhecer o pai dos príncipes também, já sei que vou dar boas risadas.
    cheirinhos
    Rudy

  3. Oi
    acabei de conhecer seu blog, ainda não li nada da autora, mas tenho dois e-books já, preciso ler e pelo que falou dessa história já fiquei louca para ler esse, tem cara de ser uma história do jeito que gosto de ler, além de que parece ter bons personagens.

    http://momentocrivelli.blogspot.com

  4. nossa que estoria diferente
    sem duvida ´so pelos seus comentarios parece um romance divertidissimo .já fiquei aqui com agua na boca querendo ler esse romance
    PARABENS pela resenha apaixonada

  5. Achei um clichê da garota solitária e o garoto pegador, mas também, uma história apaixonante onde os personagens são muito mais do que isso. O ensinamento lindo que o livro traz já é motivo suficiente para ler. Preparada para saber das reviravoltas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s