Parceria · Resenha

[RESENHA] “Piloto Playboy” , de Penelope Ward e Vi Keeland por Editora Charme – @EditoraCharme @ViKeeland @PenelopeAuthor

Boa noite!

Preparem a mala e o passaporte, vamos embarcar nessa viagem ao lado do piloto Carter e da ousada Kendall. Tenham em mãos os seus pertences e apertem os cintos para essa aventura.

Confiram abaixo a resenha completa do novo livro da dupla Penelope Ward e Vi Keeland lançado pela Editora Charme.

Dinheiro ou amor? Qual você escolheria? Você provavelmente acabou de responder a pergunta na sua mente pensando que é uma decisão fácil. Para mim, não é. Eu já disse que é bastante dinheiro? Muito mesmo. Eu precisava ir para longe para pensar nisso. Quando embarquei em uma viagem impulsiva, mudei o rumo ao conhecer o sexy Carter no lounge do aeroporto. Nos envolvemos em uma conversa acalorada. Depois, ele foi embora. Pensei que nunca mais fosse vê-lo. Mas o destino tinha outros planos. Surpresa! Ele era o piloto do meu voo. A surpresa maior foi a aventura que aconteceu depois que o avião pousou. Carter era perigoso e estava sempre viajando. Embora nossa conexão fosse magnética, eu sabia que era apenas temporária. Ele me dava passagens, e eu o seguia pelo mundo para lugares exóticos. Um bando de aeromoças ex dele e boatos sobre a reputação de Carter sempre estavam nos rodeando. Eu não sabia no que acreditar. Mas estava viciada. Nada mais importava. E eu ia me magoar. Porque parte de mim queria ser a garota que finalmente faria o piloto playboy se aquietar. Pelo menos, ele estava me levando para um passeio emocionante. Todas as coisas boas acabam, certo? Só que não previ como seria o nosso final.

Compre aqui na loja da Editora Charme

ou

na Amazon

Havia quase me esquecido de que o objetivo daquela viagem era tentar endireitar minha vida, não complicá-la mais ao me apaixonar por alguém com quem não poderia ficar. Não seria possível ficar com nenhum homem no futuro próximo se eu seguisse com meus planos.

Tem um piloto irresistível chegando para animar sua semana 😉

Penelope Ward e Vi Keeland já são sucesso quando escrevem sozinhas, daí vocês imaginam a loucura que é quando essas duas se juntam 🙂

Aqui acompanhamos a história de Kendall e Carter, em uma aventura sensual nos mais belos cenários.

Kendall nunca poderia imaginar que aquele cara sedutor com quem conversou no bar do aeroporto poderia ser o piloto do avião da viagem, na qual ela decidiu o destino de última hora. Ela está passando por um momento tenso, em que precisa tomar uma importante decisão, que mudará não apenas a vida dela, e que também envolve muito dinheiro.

Carter é um piloto apaixonado por voar e pelos Beatles. Seja no ar ou em terra firme, ele vive livre, sem amarras e sem se comprometer com nenhuma mulher que cruze seu caminho (ou sua cabine). Ele é motivo de diversão para as comissárias de bordo de sua companhia, e não sabe dizer quantas delas já levou para a cama.

Entre Kendall e Carter surge quase que imediatamente uma forte atração, e ambos não conseguem esconder.

Para espairecer, Kendall acaba aceitando o convite de Carter em acompanhá-lo em alguns de seus destinos, como o Rio de Janeiro. Conforme os dias vão passando, um vai descobrindo mais à respeito do outro, ao mesmo tempo em que a atração que sempre sentiram chega ao ápice.

Meu coração estava batendo mais rápido do que nunca depois do sexo. Eu sabia que era porque, pela primeira vez na vida, não era apenas sexo; era muito mais.

Ao longo da história, Carter vai se mostrando ser muito além do piloto playboy pegador. Ele sofre por um acontecimento de seu passado, e isso é o que lhe impedia de se prender em alguém, pelo menos até Kendall surgir em sua vida. Carter é responsável, generoso e altruísta, e faz coisas que inimagináveis para seus vizinhos de condomínio. Me digam se não é difícil não se apaixonar por esse homem!

Kendall também se mostra muito além da mulher superficial que aparentava à primeira vista. Ela começa a história achando estar encurralada, mas vai descobrindo que há outros caminhos, e que talvez aquilo que buscava no início nem seja tão importante assim.

A história é escrita em primeira pessoa, com os protagonistas narrando.

Desde a primeira vez que meu olhar pousou em Carter Clynes naquele lounge do aeroporto, meu coração bateu a um milhão de quilômetros por hora. Porém, naquele instante, senti o que aconteceu. Meu coração diminuiu o ritmo, respirou fundo e soltou um suspiro enorme. Simples assim, ele se rendeu, incapaz de lutar mais. Eu não fazia ideia de quanto tempo tínhamos ou como as coisas iriam acabar, mas sabia, sem dúvida, que estava apaixonada por Carter.

Sobre os lugares para onde Carter levou Kendall, me sentia lá com eles. As autoras descreveram muito bem os cenários, mas sem se alongar em detalhes que pudessem tornar a leitura cansativa.

Um aviso: a história toda é ótima, mas sabe quando está indo tudo muito bem para os protagonistas? Não preciso nem dizer que vem chumbo grosso! Pois os capítulos finais foram bastante tensos. Então, preparem o coração aí, e também alguns lencinhos.

A verdade é que as pessoas que cometem suicídio acreditam que não há outra escolha. Depressão é uma doença, não diferente da asma, sarampo ou praga. Se não for tratada, todas elas pioram e, em certo momento, a doença toma vida.

Algo que é comum nos livros dessa super dupla, é falar de assuntos sérios, e dessa vez elas falaram sobre depressão e suicídio, com leveza, mas sem deixar a seriedade dos assuntos de lado.

Com humor, romantismo e sensualidade, Penelope Ward e Vi Keeland nos apresentam uma história emocionante e de tirar o fôlego, onde você nem vai querer saber o destino, deste que Carter esteja no comando 😉

Participe do comentário premiado de maio clicando aqui

2 comentários em “[RESENHA] “Piloto Playboy” , de Penelope Ward e Vi Keeland por Editora Charme – @EditoraCharme @ViKeeland @PenelopeAuthor

  1. Levou meu coração só com essa capa lindaaa ❤❤Necessito desse livro com esses personagens maravilhosos ❣❣Ameiiiii a sinopse e a resenha 👏👏 ❤ Vou adicionar na minha lista 😊😊

  2. Oi, Renata!
    Não conheço a escrita da Penelope Ward mas já li alguns livros da Vi Keeland e gostei bastante… Em relação a Piloto Playboy, gostei da sinopse, e obrigada pelo aviso sobre os capítulos finais, vou tentar me preparar para as fortes emoções, mas fico aliviada em saber que mesmo falando sobre assuntos sérios, como depressão e suicídio, a dupla os abordou com leveza, prefiro quando isso acontece… Enfim, valeu pela dica! Bjos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s