Parceria · Resenha

[RESENHA] “A Rosa do Deserto”, de Uiara Barzzotto – @Uiarabarzzottp

Boa tarde!!!

Tem lançamento chegando na Amazon 🙂

“A Rosa do Deserto” acaba de ser lançada na Amazon e vou contar aqui pra vocês o que achei deste livro da Uiara Barzzotto.

Então galera, se preparem pra viver uma grande aventura ao lado de um capitão arrogante e uma médica sem medo do que vai encontrar pela frente.

Confiram abaixo a resenha completa.

Kiara Johnson é uma médica infectologista de sucesso. Filha do renomado cirurgião Harris Johnson, foi criada para assumir a direção do hospital da família, mas seu coração deseja mais que isso. Ela não enxerga a profissão da mesma forma que o pai. Kiara vê na medicina uma forma de levar esperança e ajuda aos mais necessitados. E esse sentimento a leva a se alistar no programa dos médicos sem fronteiras.
Ethan Kyle é capitão do exército americano. Em mais dez anos de serviço militar, aprendeu que qualquer distração pode ser fatal. Um homem para qual a ordem e a disciplina estão acima de tudo. E isso, muitas vezes, faz com que as pessoas o achem arrogante.
Os dois são enviados para Cinburker, um pequeno território no oriente médio. Ali existem duas nações, Toren e Kahya, que foram divididas recentemente. O local foi um dos que mais sofreu no período de confrontos, mas depois do cessar fogo, foi entregue à própria sorte. E é nesse cenário que a vida deles se cruza.
Duas pessoas completamente diferentes, que nas areias do deserto terão que lidar com as mais dolorosas situações de um local que tenta se reerguer depois da guerra. E que aprenderão que o amor pode surgir mesmo em meio a diferenças e dificuldades.

Skoob

Essa mulher derrubou todas as minhas barreiras e, de um jeito atrapalhado, conquistou toda a minha atenção. É um caminho sem volta, disso eu tenho certeza. E, para dizer a verdade, eu não quero mesmo voltar.

Vocês não imaginam o quanto esperei por esse momento

Vou contar brevemente minha história de amor com esse livro: ano passado a Uiara me enviou os primeiros capítulos dele, e logo de cara jé me vi envolvida com toda a história e personagens. Só que muita coisa aconteceu na vida da Uiara de lá pra cá, e há poucas semanas ela concluiu (lindamente) este livro ♥♥♥

Aqui nós temos como protagonistas Kiara e Ethan. Ela, uma médica que busca honrar sua profissão fazendo a diferença na vida das pessoas. Ele, um capitão do exército de pavio curto e pouco papo, mas com um coração e índole enorme.

— A gente sempre ouve dizer que a guerra devasta, mas ver isso tão de perto é dilacerante.

— Nada de bom vem de uma guerra. As pessoas morrem nos confrontos e aqueles que sobrevivem, ficam marcados pelo sofrimento para sempre.

Kiara e Ethan foram parar em Cinburker por motivos completamente diferentes. Ethan foi enviado por seu superior como uma espécie de “castigo” por mais uma encrenca que ele se meteu (mesmo tendo sido com a melhor das intenções). Kiara contrariou sua família ao se inscrever no Médicos Sem Fronteiras, porque ela sente que precisa fazer algo de bom em sua vida.

Cinburker, no Oriente Médio, é um lugar devastado pela guerra, onde sua população vive em meio a pobreza, doenças e pessoas mau intencionadas que querem se aproveitas da situação.

Em um primeiro momento, Kiara e Ethan não se dão bem, porque ele com seu jeito fechado somado a péssimas experiências com outras equipes de médicos enviadas a Cinburker, se mostra um tanto arrogante.

Mas, sabe quando você já sente a química entre os personagens em sua primeira cena juntos? Pois é bem isso que acontece aqui 😉

A Drª Johnson é uma distração que eu não preciso. É como colocar as mãos sobre o fogo de uma lareira em um dia frio de inverno.

Um desafio diário é o que Kiara, Ethan e suas equipes enfrentam, e apesar de todo cansaço e muitas vezes falta de recursos, eles não desanimam em querer ver todos naquela cidade com uma melhor qualidade de vida.

O que podemos notar durante a leitura é o quanto a autora pesquisou sobre todos os temas abordados, dando bastante embasamento. Além disso, ela ainda trabalhou muito bem o romance entre Kiara e Ethan, fazendo com que tudo acontecesse de forma natural, com um derrubando as barreiras do outro, me deixando sempre na expectativa e torcida por eles. E não posso deixar de falar dos personagens secundários, onde cada um mostra sua importância ao longo da história ( o que despertou a louca dos spin-off que vive dentro de mim).

Kiara é uma personagem completamente diferente das que estamos habituadas a encontrar por aí. Com maturidade e senso social, ela procura fazer o bem a todos, e não tem medo de nada.

Ethan, apesar de seu jeito sério, e muitas vezes arrogante, é um homem que leva a sério sua carreira militar e cada missão que é designado. E ainda há uma história, um certo drama que o personagem guarda para si.

Eu quero estar perto dela, ouvir sua voz, suas risadas. Gosto até mesmo de quando parece irritada comigo e, a cada dia que passa, sinto a necessidade de descobrir um pouco mais sobre ela.

Este não é só mais um romance militar como tantos outros, ele traz uma reflexão sobre podermos fazer a diferença, sobre pensarmos naqueles que precisam de ajuda e podemos ajudar. “A Rosa do Deserto” é capaz de mexer com cada uma de nossas emoções e nos fazer refletir sobre tudo o que ela traz. História envolvente e tocante, além de personagens marcantes capazes de tornar tudo inesquecível.

Mas não me arrependo de nada, pois foi lá, no meio do deserto que semeamos nossa semente do amor, e vamos lutar para que ela floresça por várias estações.

 

Participe do comentário premiado de novembro clicando aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s