Resenha

[RESENHA] “Ponte de Cristal” de Thati Machado – @thatimachado

Boa tarde galera!!

Tenho pouco contato com autores nacionais – se for comparar com a Renata – mas foi muito interessante ler algo da Thati Machado.

Venham conferir o que eu achei.

“A renomada escritora Mia Prescott não imagina que a sua decisão de acertar contas com o passado causará uma reviravolta em sua vida e colocará à prova todas as suas certezas. Seu país, o Lar, precisará da sua ajuda ou sofrerá pelas mãos da mesma pessoa que arruinou seu verdadeiro eu. Vivendo na Capital, Mia não percebe que uma revolução está se aproximando e que ela é a única capaz de detê-la. Bom, ela e o homem a quem jurou se vingar. Ou talvez não seja ele… Quer dizer, em quem confiar? 

“Ponte de cristal” é um New Adult, mas ele também é uma Distopia, um Romance Policial, um Suspense com muita ação e toques de drama. Sério, nunca li nada do tipo e a cada vez que uma característica nova era apresentada, eu só conseguia pensar em como a história ficava cada vez melhor.””

AMAZON

Não saber o que esperar a respeito de um livro faz a gente imaginar mil coisas, e com Ponte de Cristal foi muito isso. Com essa capa que remete algo histórico, emergi na leitura buscando algo que não chegou, mas conforme as páginas foram passando, a protagonista com seu jeito sagaz fez com que eu ficasse interessada.

Mia é uma escritora de sucesso que teve um passado traumático, e após alguns anos tentando se restabelecer desse episódio está buscando colocar um fim ao seu sofrimento. Calma! Não é isso, ela não quer se matar. No entanto, busca vingança contra Théo, seu antigo relacionamento que era abusivo; e com a ajuda de sua amiga Rose, uma mulher bem treinada e competente, Mia consegue atingir seu objetivo.

Mas a fonte de seu sofrimento está um pouco longe, então Mia arruma suas malas e vai ao encontro do seu destino, seja ele a vingança ou a morte. Mas ela não tem medo e nem está sozinha, Steve seu amigo de longa data e Rose estão ao seu lado para apoiá-la e confortá-la, mesmo que para eles o tal plano de vingança seja uma loucura.

“Eu havia mudado muito nos últimos seis anos, seria impossível me reconhecer depois de tanto tempo.”

A leitura fica completamente fluida e contagiante por conta da narrativa em primeira pessoa da própria Mia, que vai nos contando o que aconteceu no seu passado e o que está acontecendo no seu presente que se entrelaçam. O encontro com Gael é um deles. Além de que acaba fazendo parte de uma batalha que transcende os seus sentimentos e pensamentos, até os mais obscuros, pois seu país que sempre conheceu como Lar parece estar mudando de um jeito que ela não previa.

Mia é uma personagem que tem uma força maior do que ela é capaz de expressar, em muitos trechos me vi querendo ser tão forte e decidida como ela. Não só ela, como também seus coadjuvantes foram de extrema sagacidade e importância na obra da autora. Thati soube conduzir cada personagem muito bem dentro do seu papel, e mesmo que por vezes deslizasse em algum ponto, ainda achei seu talento com a escrita muito ágil e aguçado.

“Gael parecia saber tanto de mim e o que eu sabia dele? Aquilo, definitivamente, não era bom.”

A minha única ressalva é que o livro não passou no Teste Bechdel, além da infeliz a competição que houve entre a personagem principal com certa personagem feminina que aparece durante a trama, fazendo com que ela menosprezasse e dissesse palavras grosseiras (mesmo em pensamentos) a outra. Isso me deixou muito chateada e incomodada.

Thati Machado faz a leitura percorrer em um mundo distópico, com mistério, fantasia, muita ação e para completar, não fugiu de ser um romance açucarado. Quando comecei não consegui para de ler até conseguir captar o que estava acontecendo, e o ápice da história continuou sendo interessante e me agradou. Também não posso deixar de dizer que o romance tem uma dose LGBT que vai deixar muito satisfeito os leitores que gostam do gênero. Thati criou Ponte de Cristal para todos os gostos.

 

Participe do “Comentário Premiado de Janeiro” clicando aqui 

Anúncios

10 comentários em “[RESENHA] “Ponte de Cristal” de Thati Machado – @thatimachado

  1. Oi Clarisse!
    Já havia lido resenhas do livro e por ele conter dois gêneros que curto bastante, eu me interessei.
    Bom saber que Mia é uma personagem forte, mesmo ela deixando um pouco a desejar com as ofensas a outra, sua história me conquistou e já torço para que consiga sua vingança, rsrs.
    Beijos

    PS: ia perguntar do que se tratava o teste, mas já li os comentários anterios, bem legal, eu não conhecia.

  2. Não me sentir conectado no livro e a única coisa que realmente me atraiu nele foi a capa eu vou tentar ler esse livro mesmo assim porque eu já tive boas experiências com as sobras da Tati que não porque eu realmente tenha gostado da premissa

  3. Olá Clarisse!
    Eu gostei d e conhecer Ponte de Cristal, nunca tinha lido nd sobre a obra, e tbm não conhecia a autora, já gostei pela forma que desenvolveu o livro, qro ler em breve.
    Bjs!

  4. Clarisse!
    O livro da Thati parece bem completo, porque apesar de ser uma distopia diferenciada, traz mistério, suspense, ação e muito romance.
    E fiquei tão curiosa por saber sobre o passado Mia e a relação dela com os amigos…
    Adorei sua resenha e a indicação, thanks!
    Novo Ano repleto de realizações!!
    “Que a paz, a saúde e o amor estejam presentes em todos os dias deste novo ano que se inicia. Feliz Ano Novo!” (Desconhecido)
    cheirinhos
    Rudy
    1º TOP COMENTARISTA do ano 3 livros + Kit de papelaria, 3 ganhadores, participem!

  5. Clarisse!
    O livro da Thati parece bem completo, porque apesar de ser uma distopia diferenciada, traz mistério, suspense, ação e muito romance.
    E fiquei tão curiosa por saber sobre o passado Mia e a relação dela com os amigos…
    Adorei sua resenha e a indicação, thanks!
    Novo Ano repleto de realizações!!
    “Que a paz, a saúde e o amor estejam presentes em todos os dias deste novo ano que se inicia. Feliz Ano Novo!” (Desconhecido)
    cheirinhos
    Rudy
    1º TOP COMENTARISTA do ano 3 livros + Kit de papelaria, 3 ganhadores, participem!

  6. Entre ser uma distopia, um romance policial, um suspense, um new adult, um romance… ufa! rsrs… o livro parece abordar vários gêneros e meu medo é só que isso acabe deixando todos de modo superficial, mas pelo que li na resenha a história te agradou e a personagem principal consegue despertar empatia através de sua força e isso é importante 🙂 Gostei da dica Clarisse, só queria que vc me explicasse um pouquinho mais sobre o Teste Bechdel?? essa parte ficou um pouco confusa pra mim 😉

    1. Sim, Lili, foi tudo muito bem abordado pela autora e não deixa a desejar.
      Ah sim, o Teste Bechdel se questiona se 2 ou mais mulheres em uma obra de ficção conseguem conversar sobre outra coisa que não seja homens. Se elas conseguem, o teste é positivo. Se só falam de homens é negativo. É um teste bem famoso que serve para indicar se há preconceito dentro do gênero, como se mulher não conseguisse falar de outra coisa que não seja isso. Espero que tenha entendido.

      Bjks

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s