Resenha

[RESENHA]”Procura-se um marido”, de Carina Rissi por @Verus Editora – @Carinarissi @Verus_Editora

Boa tarde!!!

Hoje vou falar sobre um chik lit maravilhoso! Que cada página dele valeu a empolgação que eu tinha para conhecer essa história ♥

Protagonista de Procura-se um marido, Alicia sabe curtir a vida. Já viajou o mundo, é inconsequente, adora uma balada e é louca pelo avô, um rico empresário, dono de um patrimônio incalculável e sua única família. A morte do querido familiar muda completamente o rumo da história criada pela autora Carina Rissi.

Vô Narciso a excluiu da herança, alegando que a neta não tem maturidade suficiente para assumir seu império – a não ser, é claro, que esteja devidamente casada. Era algo inimaginável para Alicia que, então, decide burlar o testamento com um plano maluco e audacioso: colocar um anúncio no jornal para encontrar um marido de aluguel.

Diversos candidatos respondem ao anúncio, mas apenas um deles será capaz de fazer o coração de Alicia bater mais rápido, transformando sua vida de maneiras que ela jamais imaginou.

Eu e minha mania de ler séries fora de ordem… Primeiro li “Mentira Perfeita” (AMEI! E você pode encontrar a resenha clicando aqui!) e agora aqui estou depois de terminar de ler “Procura-se um marido”, seu antecessor.

Vou confessar que demorei um pouco pra começar a ler os livros da Carina Rissi, porque eles dificilmente têm menos de 400 páginas, e tinha receio de que ela fosse daquelas autoras que ficassem enrolando. Mas, mais uma vez me enganei, porque perdi muito tempo por pensar assim, e me divirto a cada página escrita por ela, e por mim leria um livro de 2000 páginas escrito por ela, embora eu não possua uma grande velocidade de leitura 😦

Agora, chega de falar de mim e vamos falar de “Procura-se um marido”  🙂

Aqui nós somos apresentados a Alícia, uma jovem que perdeu os pais quando criança, e foi criada pelo avô, o multi-milionário Narciso. Para suprir a falta dos pais, vô Narciso sempre mimou muito Alícia, o que acabou a tornando uma jovem sem muita responsabilidade, e que vive de muita festa, badalação e confusão. Mas, mesmo Alícia tendo esse perfil, ela não é má nem arrogante, ela só não tem noção nenhuma no que diz respeito a dinheiro, já que nunca precisou se preocupar com isso.

Os problemas de Alícia começam quando seu amado vô vem a falecer, e em seu testamento exige que a garota crie juízo trabalhando em uma de suas empresas, tendo de viver com o salário que ganhar lá e só irá receber sua herança quando completar um ano de casada.

Inconsequente do jeito que é, Alícia põe um anúncio no jornal em busca de um marido “temporário”, e após encontros desastrosos e pra lá de engraçados, acaba casando com Max, seu colega na empresa, a quem vive trocando farpas.

Max, apesar de sua aparência de mau-humorado, foi me ganhando a cada página. Um cara do bem, que tenta ajudar a família financeiramente, além de custear o tratamento médico do irmão.

Max era uma incógnita para mim. Às vezes, como naquele momento, me tocava sem que eu precisasse recorrer a subterfúgios. Em outras, dava mais trabalho que cabelo alisado com chapinha em dia de chuva.

A história é toda narrada por Alícia, e foi uma delícia acompanhar as desaventuras dessa maluquete. Tiveram momentos em que quis pegá-la no colo pra consolar ou lhe dar umas palmadas, em outras chorava de rir com suas trapalhadas.

O romance é daqueles previsíveis, mas com uma escrita tão boa, foi difícil não gostar de cada acontecimento.

A Júlia, protagonista de “Mentira Perfeita” é citada aqui uma única vez, e quando isso aconteceu dei um grito kkk Marcus, par de Júlia no outro livro, aparece bastante neste livro, sendo super atrevida e com falas divertidíssimas.

A cálida ternura que eu senti por ele ganhou proporções gigantescas naquele momento, até que se tornou insuportável e achei que eu fosse explodir em um milhão de cores.

Bem galera, nessa busca pra reaver seus direitos sob a herança do avô, Alícia descobre que há coisas muito mais importantes do que dinheiro e status social, que existem pessoas capazes de tudo por dinheiro, e aprende a duras penas que a verdade é sempre o melhor caminho. E tendo de aprender a viver com tão pouco, ela começa a se dar conta de que os funcionários da empresa tem de se virar pelo avesso pra conseguir dar conta de sobreviver, e bola estratégias para ajudar a todos.

-Eu achava que sabia o que era amar. Então você apareceu, transformou minha vida num inferno e fez minhas convicções e certezas ruírem.

Não preciso dizer como é envolvente a escrita da Carina, pois quem já leu algum livro seu sabe disso. A história é bem construída, com cenas e diálogos divertidos, com uma mocinha engraçada e um mocinho bastante íntegro, além de personagens que roubam a cena, como a Mari, melhor amiga de Alícia.

Esse livro de fascinou e prendeu desde sua primeira página, e a história não perdeu o foco ao longo da história, e mesmo com 470 páginas não foi nenhum pouco cansativa, porque por mim virava a noite lendo ele.

Axu que nem preciso dizer pra vocês o quanto amei essa história ♥

Participe do “Comentário Premiado de Agosto” clicando aqui

 

Anúncios

11 comentários em “[RESENHA]”Procura-se um marido”, de Carina Rissi por @Verus Editora – @Carinarissi @Verus_Editora

  1. Eu simplesmente amo a Carina Rissi!
    Meu livro favorito é No Mundo da Luna e Mentira Perfeita, porém esse também é um favoritinho!
    Alicia e Max são um casal maravigold e eu amei ver a paixão deles crescendo a cada página!
    Eu adoro essa casal.

    1. Boa tarde!!!
      Preciso ler urgente “No mundo da Luna”, todos falam que é o melhor dela. Ele tá aqui comigo, só esperando liberar espaço na agenda kkk
      Bj

  2. Olá!
    Não li nenhum livro dessa autora mas desejo bastante ler, apesar de conhecer pouco. A historia tem uma premissa maravilhosa e a personagem me cativou logo de cara, por ser doidinha, com certeza será uma bela confusão e diversão.. Espero ler algum livro dela e poder me divertir assim como você se divertiu..

    1. Boa tarde!!!
      Livro super divertido! As personagens da Carina são aquelas maluquetes que quando você vê já roubaram seu coração.
      Tô com mais livros dela aqui pra ler 😉
      Bj

  3. Renata…….
    Amo os livros da Carina….desde dos livros do ian e sofia❤
    Ja tinha visto esse livro mas não tinha conseguindo para ler!
    Amo as historias dela por que são envolventes e com diversão no meio!
    Esse livro e de uma serie….eu pensei que era livro unico?
    Bjs

    1. Boa tarde!!!
      Ainda não li a Série Perdida, mas tá aqui na minha quilométrica lista de leitura kkk
      Tô cada vez mais apaixonada pelos livros dela!
      Bj

  4. Renata!
    Infelizmente nunca li nada da Carini, mas tenho dois livros dela aqui para leitura e espero fazê-la em breve.
    Alícia deve ser uma daquelas protagonistas hilária e bem doidinha e gostei de ver que o avô teve essa percepção e só deixará a herança caso ela trabalhe na empresa e fique casada por um ano, pelo visto, isso colocou um pouco de juízo na cabecinha de vento dela…
    Adorei!
    Desejo uma ótima semana!
    “A vida guarda a sabedoria do equilíbrio e nada acontece sem uma razão justa.” (Zíbia Gasparetto)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE AGOSTO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    1. Boa tarde!!!
      Rudy, a confusão começou mesmo após o testamento do vô Narciso kkk
      Mas Alícia é aquele tipo de personagem que já nos faz amá-la de cara.
      Um dia desses leia um dos livros da Carina, você vai ver o quanto são ótimos 😉
      Bj

  5. Oi Renata, agora fiquei com vontade de reler esse livro e de ler Mentira Perfeita que ainda não consegui rsrs. Amei a resenha e esse foi uns dos primeiros livros que li da Carina e sim também ficava com receio desses livros grandes, mas são histórias super envolventes, assim vale a pena *__* Eu gosto da narração de Alicia, ela é uma personagem bem cativante e as protagonistas dessa autora são “facinhas” pra nos identificarmos, mas eu teria gostado ainda mais com uma narração dupla, tô mal acostumada haha ❤ Espero ler a continuação e alguns que tô devendo leitura da Carina logo logo, pois curto demais essa autora 😉

    1. Boa tarde!!!
      Também queria alguns capítulos narrados pelo Max 😦 Mas Alícia deu conta do recado e me divertiu muito 🙂
      Preciso ler urgente “No mundo da Luna”, pois dizem que é ainda melhor.
      Bj

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s