Resenha

[RESENHA] “Espero Por Você”, (Série Espero por Você Livro 1) de Jennifer L. Armentrout por @Novo_Conceito

Boa tarde galerinha! Hoje temos resenha fofa e desconcertante. Preparados?

Algumas coisas valem a pena esperar. Algumas coisas valem a pena experimentar. Algumas coisas não devem ser mantidas em silêncio. E, por algumas coisas, vale a pena lutar. Avery Morgansten precisa fugir. Ir para uma faculdade a centenas de quilômetros de casa foi a única forma que encontrou para esquecer o acontecimento fatídico que, cinco anos antes, mudara a sua vida para sempre. O que não estava em seus planos era atrair a atenção do único rapaz que pode mudar totalmente a rota do futuro que Avery está tentando construir. Cameron Hamilton tem um metro e noventa de altura, impressionantes olhos azuis e uma habilidade notável para fazer com que Avery deseje coisas que ela acreditava terem sido roubadas irrevogavelmente dela. Envolver-se com ele é perigoso. No entanto, ignorar a tensão entre eles — e despertar um lado dela que nunca soube que existia — é impossível. Até onde ela estará disposta a ir e o que fará para esquecer o passado e viver aquela relação intensa e apaixonada, que ameaça ruir todas as suas certezas e fazê-la conhecer um mundo de sensações que julgava estar negadas para sempre?

 

Quem acompanhou o blog no comecinho de janeiro viu que eu postei a Trilogia Plus One Chronicles, que é da mesma autora e percebeu como eu fiquei encantada com ela e li tudo em poucos dias (Clique aqui e confira).  Então, o momento em que vi um novo livro da Jennifer L. Armentrout sendo lançado, eu fiquei louca. Não, mais do que isso. Foi desespero. Tipo ME DÁ, ME DÁ, ME DÁ! Comprei e li. E DEUS, QUE LINDO!

Avery Morgansten é a protagonista desse primeiro volume da série Espero Por Você, publicado pela Editora Novo Conceito, e desse ponto de partida temos uma jovem que acabou de ingressar na faculdade em uma cidade bem distante da sua e está procurando por uma fuga da vida que deixou para trás. E logo no primeiro dia de aula tromba magicamente com Cameron Hamilton, que a salva de um momento constrangedor, mas não a salva de ter que passar o resto do semestre com ela sendo seu parceiro de classe.

“O problema é que eu não o entendia… não entendia nada do que estava acontecendo. Ele não me conhecia. Eu não o conhecia, e ainda assim ele era tão… amigável.”

Cam é o tipo de cara que mantém sua palavra quando diz algo e que é insistente até conseguir o que quer. Mas tudo isso de um jeito divertido, intrigante e conquistador. Esqueça aqueles personagens masculinos arrogantes que só falta sair falta de educação pelos poros. Esqueça o tipo de homem que trata uma mulher como lixo e diz estar apaixonado. Cameron é muito mais. Acredite, MUITO MAIS.

“Eu estava… interessada em saber mais sobre ele, porque Cam era fascinante, de certa maneira. Ele era como todos aqueles caras lindos e populares do colégio, mas não era um idiota. Só por isso já merecia um estudo científico.”

Porém, apesar de termos um interesse amoroso de ambos, também temos um casal que primeiro se conhece, passam a ser amigos e desfrutar da companhia um do outro, para depois ter algo romântico acontecendo de verdade. Principalmente porque Avery tem que lidar com questões do passado, e diga-se de passagem que são questões muito sérias, que nunca antes tinha visto sido abordada em livros de um jeito tão real e sincero. Nada será fácil para Avery. E em vários momentos durante a leitura senti uma forte compaixão por ela, e vê-la brigar contra seus sentimentos negativos, observar como era difícil para ela levar uma vida normal de estudante universitária  e muito menos com o que está acontecendo entre ela e Cameron.

“Mas você não precisa ficar nervosa. Eu quero estar aqui com você, Avery. Não precisa se preocupar em me impressionar ou coisa parecida. Você já fez isso.”

Podemos partir da premissa que a opinião da Cora Camarck na capa é excelente, porque eu realmente me apaixonei por Cameron. Ele é aquele tipo de personagem que conquista, que deixa sua marca, que te faz suspirar e querer muito mais dele nas próximas páginas. Fiquei perdidamente apaixonada – assim como a Avery – pelo carinho que ele sentia com tudo na vida: seus amigos, sua família, seu interesse por constelações e seu interesse em Avery. Tudo isso contribuía para Cam ser um personagem ainda mais interessante para mim.

E não ache que Avery é a única que tem que lidar com seu interior. Cameron também é um personagem complexo, que também tem seus problemas. Outro ponto para Jennifer por conseguir que cada personagem fosse único em sua forma de ser. Agora mal consigo ficar aguardando para os próximos volumes da série. Vou ficar em abstinência por não sei quanto tempo… e isso é triste demais…

“O silêncio estava me matando. E foi só isso que sempre existiu. Silêncio. Era só o que eu conhecia. Ficar calada. Fingir que nada tinha acontecido, que nada estava errado. E olha só como tudo estava dando certo?”

Sinceramente, já estava sentindo falta do clichê garoto encontra garota que tem um segredo. Quem disse que clichês não podem ser bons? Pois são. Quando são bem trabalhados dentro de um enredo. E eu amei loucamente cada aspecto que a Jennifer criou ao dar vida para seus personagens. Cada assunto discutido, toda brincadeira, os personagens secundários, a mágica e cada ponto entrelaçado fazia com que eu não conseguisse parar de pensar no que estava acontecendo diante dos meus olhos. Jennifer L. Armentrout é perita em fazer o leitor se sentir incluído e não subestimar sua inteligência.

Espero Por Você é um livro grandioso. É uma voz ativa no meio de um mundo machista e elitista. Traz à baia assuntos importantes e que precisam ser discutidos.

Leiam! Super recomendo.

 

Participe do “Comentário Premiado de Março” clicando aqui!

Anúncios

5 comentários em “[RESENHA] “Espero Por Você”, (Série Espero por Você Livro 1) de Jennifer L. Armentrout por @Novo_Conceito

    1. Já publicado não. A editora lançou esse agora, no mês de fevereiro, então o próximo deve demorar um pouquinho.
      Bjks

  1. Clarisse!
    Para mim não existe amor se não há clichê e quem quiser que fale.
    Confesso que fiquei curiosa por saber o que há de tão terrível o passado de Every que a faz recuar, sem contar que conhecer Cam será um prazer, já que ele é um completo gentleman…
    “Não confunda jamais conhecimento com sabedoria. Um o ajuda a ganhar a vida; o outro a construir uma vida.” (Sandra Carey)
    cheirinhos
    Rudy

    TOP Comentarista de MARÇO, livros + KIT DE PAPELARIA e 3 ganhadores, participem!

  2. Oi.
    Te entendo, sim as vezes os clichês que são bem escritos podem ser bom.
    Eu adoro esse livro li a muito tempo e adoro, a autora soube desenvolver o relacionamento do casal, sem ser imediatista, sem ser aquele amor de um dia e meio, o que adorei.
    Bjs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s