Resenha

[RESENHA] “O Beijo do Bilionário” (Série Magnatas Livro 1), de Julie Farrell – @Julieanafarrell

Bom dia, como vocês estão meus amores literários??

Não tem nada melhor do que aproveitar o começo do ano para conhecer autores novos. Então que tal começar uma série nova? O escolhido foi Os Magnatas da autora Julie Farrell, que ainda não conhecia sua escrita apesar de já ter Ruby in the Dusty – O amor numa xícara de chá já disponível para leitura na Amazon (clique aqui).

Vamos lá?

bilionario

capa-do-livro-11

magnatas-1

 

sinopse-1

Esta história vai fazer você ficar louca por bilionários! Ela contém cenas de sexo extremamente eróticas e sensuais, orgasmos em abundância e um homem incrivelmente bonito que sempre consegue o que quer.

A diretora de operações, Amy Carter, é uma londrina bem-sucedida na carreira que está passando por um enorme problema: o firme assédio moral da empresa de Nova York, Irmãos Quinlan. Ao que tudo indica, cabeças vão rolar. Amy está determinada a lutar por seus colegas de trabalho, mas, ao chegar em Nova York, ela conhece Adam Quinlan, que deixa claro que está interessado em negociar com ela em um nível mais pessoal.

O bilionário, playboy e CEO, Adam Quinlan, sempre consegue o que quer: ele é bonito, confiante e gosta de ver as mulheres sucumbirem ao seu charme. Quando a bela Amy chama sua atenção, ele decide que irá seduzi-la. Mas, há um problema: o último pedido de seu falecido irmão foi que ele comprasse a empresa de Amy para que o projeto em que ele estava trabalhando pudesse ser completado. Adam sabe que, provavelmente, precisará demitir algumas pessoas, mas seduzir e levar Amy para sua cama, se torna, subitamente, mais importante do que negociar na sala de reuniões.

Amy quer mais de um homem do que apenas sexo alucinante e sem compromisso. E, certamente, não quer nada com o seu rival, Adam Quinlan. Então, por que ela não consegue parar de pensar nele, dentro e fora do quarto e da sala de reuniões? E o que está acontecendo com o solteirão convicto? Ele realmente está mudando de ideia e se apaixonando?

Independentemente da razão, Adam está prestes a descobrir que existem algumas coisas que o dinheiro não pode comprar…

 

resenha-1

Amy Carter é a responsável pelos tramites da venda da empresa em que trabalha. Grafton Techs é comprada pelos Irmãos Quinlan e o objetivo de Amy é fazer com que a situação tensa que está permeando a venda seja a melhor possível e todos saiam satisfeitos, principalmente a Grafton.

Por isso, Amy sai da sua cidade natal, Londres, e vai até Nova Iorque ver se os Irmãos Quinlan não pretendem dispensar ninguém do quadro de funcionários, e que a empresa continue atuando progressivamente. Serão três dias que irão exigir muito trabalho e persuasão da parte dela.

Além disso, precisará lidar com Adam Quinlan por quem tem um amor instantâneo por ela dentro de um elevador com nossa protagonista estressada, cansada e se sentindo horrorosa. Quem nunca né? E a determinada Amy também sente algo parecido, mas como acabou de encontrar seu ex numa posição comprometedora com a assistente, amor é a última coisa que ela procura nessa viagem.

 

“Adam era arrogante e, provavelmente, nada confiável. Então porque seu corpo chegava a doer pelo toque dele? Era tão primitivo. As palavras que saíram de sua boca durante toda a reunião de hoje forma insistentes e pretensiosas, mas de alguma forma ele tinha se enraizado em sua cabeça.”

 

Mas quando Amy descobre que o homem atraente do elevador é a pessoa com quem tem que travar uma batalha por seus direitos, os sentimentos esfriam. No entanto, as coisas não são bem assim para Adam, que é um mulherengo que odeia relacionamentos e é inflexível quando quer algo. Só que por Amy as coisas parecem mudar, pois a atração é forte e a química é tremenda.

Vamos colocar um revirar de olhos aqui? SIMMMM! Porque foi exatamente isso que senti enquanto estava lendo. Senti uma bomba de clichê vindo mas……. eu não precisava ficar preocupada, e nem você leitor, se pretende ler porque percebi que não tem coisa melhor quando um autor trabalha bem o clichê e o transforma numa coisa boa.

 

“(…) Eu gostei de sua comparação, ele e eu somos como água e vinho. Eu sou a representação perfeita de água, simples e sem gosto e ele é fino e elegante como um bom vinho.”

O romance do casal é muito louco e intenso. Amy foi taxada pelo ex namorado como uma mulher frígida, que não consegue atingir o orgasmo e nesse sentido ela foi tão sincera com Adam. Achei que ela fosse esconder, mas foi muito o contrário, ela é sincera e muito decidida desde o início da livro e não muda em momento nenhum. As cenas mais quentes nos deixam saber que Adam é muito altruísta e não visa apenas seus interesses na relação, permitindo a Amy descobrir seu próprio prazer e também conhecer o dele.

O Beijo do Bilionário não é só um romance clichê com muita tensão erótica, é também um livro carregado no suspense e no desenrolar de um crime. O mistério produz uma vontade louca de continuar lendo e descobrir logo o desenrolar da trama.

“Ele não gostava de ser dar crédito indevidamente, mas Amy, definitivamente, parecia mais relaxada hoje, como se ele tivesse destravado algo dentro dela. Ela parecia jovem e livre. Genuinamente feliz. E isso o deixou feliz. Ele queria fazê-la feliz, e não apenas na cama…”

Fiquei muito satisfeita em conhecer a escrita da Julie Farrel, que é sem rodeios e bem desenvolvida. A leitura seguiu um fluxo muito bom, tanto de entretenimento como de edição e tradução. Amei ter passado um pouco do meu tempo conhecendo Amy e Adam. E o final me fez querer loucamente o próximo.

Também nesse volume conhecemos Dylan Quinlan, que é o irmão mais velho e aquele que toma a frente no negócio dos irmãos. E é dele o próximo livro (que já está na Amazon, clique aqui), que durante a leitura fiquei louca para conhecer sua história.

Anúncios

6 comentários em “[RESENHA] “O Beijo do Bilionário” (Série Magnatas Livro 1), de Julie Farrell – @Julieanafarrell

  1. Confesso que pela sinopse eu não leria esse livro não, ele parece bem clichê mesmo. Mas me animei mais lendo sua resenha, o livro realmente parece ser ótimo. Mas acho que o melhor do livro é a escrita da autora, que realmente parece ser ótima! Com certeza darei uma chance ao livro.

    Beijos!

    1. Que bom que se animou. Tbm aceito sugestões de leitura ok?
      É ótimo saber que vc está lendo algo que te agrada.

      Bjks e aproveita o feriadão.

  2. Confesso que no começo da resenha, eu estava pensando mesmo que o livro já parecia bem clichê, mas gostei muito de saber que a autora soube trabalhar, e esse livro não é só clichê. E é ótimo saber que o livro é bem escrito, e que a leitura flui muito bem. Já adicionei ele aos meus desejados também 😀

    Beijos!

  3. Clarisse!
    Que livro é esse, mulher?
    Fiquei daqui suspirando e revirando os olhos e preciso ler, tem tudo que gosto: romance intenso com trechos de sexo bem erótico, disputa pela empresa, mistério, crime a ser desvendado, mulher forte, homem altruísta… uauuuuuu!
    Tudo de bom!
    “O saber é saber que nada se sabe. Este é a definição do verdadeiro conhecimento.” (Confúcio)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de FEVEREIRO, livros + KIT DE MATERIAL ESCOLAR e 3 ganhadores, participem!

    1. Simmmmmm!! Rudy, leia, e a escrita da autora faz maravilhas tbm.
      É bom saber que você revirou os olhos comigo hahahahahahahaha
      E já saiu o livro 2 hein, fica de olho lá na Amazon
      Beijokas querida, e uma ótima leitura

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s