Resenha

[RESENHA] “Sorrisos Quebrados”, de Sofia Silva

Boa tarde!!!!

E hoje vamos conhecer a história que foi sensação no Wattpad e que recentemente foi lançado em e-book de forma independente na Amazon.

Com vocês: Paola&André e a fofura da Sol!

Capa do livro 1

sorrisos-quebrados-capa

Sinopse 1

Paola
Perante Deus, o meu marido prometeu me amar.
Cuidar de mim. Ser meu amigo.
Perante todos, disse que me amava. Que íamos ser felizes.
Viver para sempre juntos.
Mentiu em tudo.
Até que um dia, perante mim, ele disse que ia me matar. E não mentiu.
A partir desse dia vivi escondida no meu mundo, até o André aparecer.

André
Não procurava nada. Não queria ninguém.
Não depois de tudo que vivi.
O meu coração estava escondido na escuridão, até a Paola surgir com as suas cores, pintando a minha vida.

Sorrisos Quebrados é um romance colorido entre duas pessoas Quebradas por relacionamentos passados.
Uma história de superação dos próprios medos e promessas.

Resenha 1

Ás vezes precisamos olhar para as pessoas com os nossos corações e não com os olhos, pois só assim vemos quem realmente são.

 Já havia lido muita coisa maravilinda da Sofia Silva e suas obras no Wattpad, em especial “Sorrisos Quebrados”, mas quando fui começar a ler vi um recado da autora de que em breve a história seria retirada da plataforma para ser lançada na Amazon, e pra não correr o risco de ficar algum tempo com a história inacaba, tive de esperar o lançamento na Amazon. Daí vocês imaginam a ariana aqui, nem um pouco ansiosa, tendo de esperar esse lançamento 😉

“Sorrisos Quebrados” chegou e cumpriu sua promessa de me emocionar e me fazer refletir. Só o prólogo já me deixou com o coração na mão e o quebrou em milhares de pedacinhos.

“Sorrisos Quebrados” conta a história de três almas quebradas, que aqueles que deveriam amá-las e protegê-las foram capazes das coisas mais dolorosas. Essas almas quebradas são Paola, André e a pequena Sol.

A vida não deve ser medida por “mais um dia”. Não. Ela é feita por um segundo pequeno e efêmero que muda tudo.

Paola tinha tudo para ter vivido um conto de fadas ao lado do marido Roberto, mas aos poucos ele foi mostrando sua face cruel, sendo capaz das coisas mais dolorosas possíveis. Além das agressões psicológicas, que feriram e muito o ego e auto estima de Paola, ele fez algo terrível que a deixou a beira da morte e com marcas profundas em seu rosto e corpo, como se já não bastassem as em seu coração.

André é um homem que chama a atenção por onde passa, não só por sua beleza, mas por ser um homem e-nor-me! Ele dedica sua vida a sua pequena filha Sol.Um homem que abdicou de um futuro promissor e vive cada dia para manter Sol feliz e segura a seu lado. Já Sol é uma criança que passou por tantas coisas horríveis que acabou ficando com problemas de interagir com pessoas que não fazem parte de sua família e convívio.

O que acontece quando essas três pessoas quebradas se encontram?

Nesse momento somos duas almas perdidas que se encontraram , mas que receiam ser mais uma miragem no deserto triste que tem sido a nossa caminhada.

Paola por escolha própria foi morar em uma clínica de reabilitação, para não ter que lidar com os olhares de pena de sua família. Ela, que sempre sonhou em poder dar aulas de pintura a crianças, passa seus dias pintando na clínica. E é nessa mesma clínica que André leva Sol para poder se livrar de seus traumas, além dele ajudar como pode em suas horas vagas como voluntário.

O primeiro contato entre Paola e André é um pouco tenso, pois uma das primeiras coisas que ela vê em sua frente é um homem enorme, do qual ela imagina não ser capaz de se defender.

Já Sol irá ficar muito ligada em Paola, surpreendendo André e seus avós. Além disso a criança formará um elo entre Paola e André. Mas, enquanto Paola tem medo de confiar em outro homem, André se recusa a entregar novamente seu coração a outra mulher.

Continuamos o trabalho e ficamos os dois em silêncio. Eu no meu mundo cinzento e ela no colorido. Como se fosse normal estarmos juntos. Natural.

Paola e André irão construindo uma história em que a cada dia um confia mais no outro, e os sentimento tornam-se impossíveis de não virem a tona.

Contra todos os receios, contra todo o meu passado, contra todas as promessas que fiz e contra tudo que pensei alguma vez sentir, eu quero ficar.

Uma história sensível, delicada, que te choca e te emociona, que te faz refletir , e ver através de André&Paola que a frase “O essencial é invisível aos olhos e só se pode ver com o coração” de “O Pequeno Príncipe” nunca fez tanto sentido.

Ela é como as ondas gigantes no meio do oceano: raras, mas quando se formam conseguem afundar o maior dos navios, e eu sou um simples barquinho tentando resistir.

Só posso dizer que valeu cada dia da minha espera por “Sorrisos Quebrados”, pois em nenhum momento a escrita de Sofia Silva me decepcionou. A escrita da autora, em que ao mesmo tempo é firme e delicada, te faz mergulhar de cabeça na história de Paola, André e Sol.

A vida é como as estrelas. Uma bela mentira que, ao contrário de outras, precisamos agarrar com toda força porque é fugaz. É a mentira mais linda do mundo.

Axu que só dei uma exagerada nos quotes 🙂 e olha que ainda tive de selecional, porque o livro todo traz coisas lindas de se ler 🙂

Adquira já o seu na Amazon!

 

Anúncios

Um comentário em “[RESENHA] “Sorrisos Quebrados”, de Sofia Silva

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s