Resenha

[Resenha] Traços, de Eduardo Cilto – @PlanetaLivrosBR

 

Livro nacional na área!! E com uma resenha arrasante sem deixar espaço para qualquer um… Simbora!!tgif-excited-kid-baby-happy

Capa

download

Sinopse

Quando Matheus aceitou acompanhar Beatriz na festa do colégio, jamais imaginou que terminaria a noite participando de um ritual místico (de veracidade duvidosa) para saber o que o futuro reservava para ele e a amiga. Assim que as velas que os cercavam se apagam e uma resposta esquisita encerra a cerimônia, Beatriz leva o resultado a sério e entende que deve fugir da cidade pequena para se encontrar com seu destino nas ruas da capital de São Paulo. Perdido no meio de tudo, Matheus é obrigado a repensar o que considera certo ou errado quando é convidado para participar do plano maluco de fuga e decide que precisa passar por cima dos limites impostos pelos pais para finalmente ser capaz de entender quem realmente é. Os dois amigos partem sozinhos para São Paulo e carregam consigo não somente as malas nas costas, mas também o peso de todos os problemas que achavam que estavam deixando para trás. Sem ter ideia do que estão enfrentando, Matheus e Beatriz descobrem mais sobre si mesmos, criam, quebram laços e encaram desafios que jamais pensaram que confrontariam enquanto contavam as moedas para realizar esse grande plano que iria mudar suas vidas para sempre.

Resenha

Confesso que não sabia o que esperar de Traços, livro do estreante Youtuber Eduardo Cilto publicado pela Editora Planeta. A única coisa que sabia é que se tratava de um romance e que amei a capa quando foi divulgada. E ela traz muito sobre o que o livro trata.

Narrado em primeira pessoa, conhecemos o Matheus, um adolescente do ensino médio que é muito legal e nem um pouco popular. Sua personalidade é marcada por um jeito bem geek de ser com um vício sólido nos quadrinhos. Leva um vida muito normal, com pais religiosos e um cotidiano típico de qualquer jovem na adolescência.

Mas a pessoa que geralmente tira Matheus da monotonia é Beatriz, a amiga doidinha; e não apenas uma amiga, mas sim A Melhor Amiga. Os dois sabem que a amizade é verdade e não se veem um sem o outro. Porém, Beatriz é o oposto do amigo, ela é espevitada, corre atrás do que deseja e não pede satisfação para ninguém.

“O mundo pode ser extremamente assustador e hostil quando você é forçado a encará-lo sem estar preparado. Mas é assim que as coisas sempre acontecem.”

E numa festa proporcionada pela escola, Matheus e Beatriz veem suas vidas mudarem pois Fernanda, a Bruxa com seu ritual místico poderia dar a ambos o que mais queriam: saber sobre o futuro. Beatriz principalmente pois não tinha certeza sobre sua vida e estava muito entusiasmada com a situação. E uma única coisa que Fernanda diz faz acender em Beatriz a luzinha das ideias malucas e a aventura começa.

” – Então por que raios você me chamou aqui?
– Porque você é meu melhor amigo. E significaria muito se fosse comigo.”

A melhor amiga de Matheus quer simplesmente ir atrás do seu destino em outro Estado. E foi nesse ponto da leitura que tudo se tornou mais divertido para mim, pois eu sabia que ambos estariam num tipo diferente de Road Trip (que é uma viagem entre amigos onde geralmente está envolvido um carro) pois eles vão de ônibus mesmo e com pouquíssimo dinheiro. Em alguns momentos a aventura foi tensa por conta dos perigos, mas em outros foi divertido e me tirava gargalhadas com as situações inusitadas. Imagina uma caravana de Drag Queen? Simplesmente hilário!

E assim eles conseguem chegar no seu destino e descobrir que as coisas não são como esperavam. O destino do qual Beatriz foi atrás não é tão fácil assim, e mais aventuras os aguardam. E nesse momento da história amei a reviravolta que acontece com os protagonistas, e como são eles que colocam um ponto final numa situação preocupante, e são os heróis, sem ser clichê e maçante.

“Seus conselhos funcionavam tanto em minha vida que pareciam ter sido feitos por alguém que estava comigo todos os dias. Ele me ajudou como ninguém mais me ajudou.”

Eduardo trás a atenção diversos temas: a homossexualidade e como ela afeta a pessoa no meio em que vive, também teve a preocupação de abordar temas sociais, como corrupção, e isso vindo de um jovem pensante, que se preocupa com a realidade em que o mundo se encontra. Além de como Youtuber, dar voz a assuntos importantes que precisam ser discutidos e abordados, pois aqueles que tem um público tem que tomar cuidado não somente com o que falam, mas também com suas atitudes.

E o trecho descrito pela Thalita Rebouças na capa não é exagero: a história que o autor trouxe realmente é cheio de reviravoltas e surpreende. Até em alguns momentos fiquei muito deliciada com a escrita envolvente do Eduardo que soube dosar muito bem as inseguranças próprias da adolescência que o personagem passa, como também a decisão de ser protagonista da sua própria história.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s