Resenha

[Resenha] O que eu quero pra mim, de Lycia Barros – @editoraarqueiro

Oi! Estou de volta e hoje vou de nacional…

Love London

Livro: O que Eu Quero pra Mim

Autora: Lycia Barros

Editora: ArqueiroCapa do livro 1

O que Eu Quero pra Mim

Sinopse 1

Alice é independente, bem-sucedida profissionalmente e muito ambiciosa. Além do sucesso no trabalho, tem um namorado que é o sonho de qualquer mulher: lindo, apaixonado, louco para se casar e ter filhos.

Mas ela não é qualquer mulher, e acha que a carreira vem antes de tudo. Então, quando Casseano a coloca contra a parede e exige mais espaço em sua vida, os dois entram em um impasse e acabam se separando. 

Em poucos dias, Alice sente que o fim do relacionamento está sendo mais duro do que esperava. Para piorar, o trabalho entra em crise e sua sócia, preocupada com a saúde da amiga, a obriga a se afastar por um tempo. As férias a ajudarão a arejar a cabeça e voltar mais produtiva. 

Com tudo dando errado ao mesmo tempo, Alice aceita a sugestão e compra uma passagem para Londres. Chegando lá, mergulha numa profunda jornada de autodescobrimento e percebe o que realmente importa para ela.

O que eu quero pra mim é um romance inspirador, que fala sobre a importância de conhecer a si mesmo e descobrir as próprias necessidades antes de trilhar de forma plena o caminho do amor.

Resenha 1

Creio já ter comentado que nesse ano decidi ampliar bastante minha leitura com autores da terra.

E ainda não tive do que me arrepender. Não é que as escolhas estão sendo feitas a dedo e sim os livros que caem em minhas mãos são de uma qualidade que não deixam a desejar a literatura estrangeira. Falo isso com muito orgulho e desde já parabenizo as editoras que têm nos dado a oportunidade de conhecermos cada vez mais o que tem de bom por aqui.

Ao saber do lançamento de O que eu quero pra mim, fiquei muito curiosa. A Lycia Barros é uma autora que aprendi a admirar. Seus livros sempre me deixam com uma ótima sensação ao final da leitura. O fato de ser narrado em Londres também me chamou atenção. Tenho verdadeira paixão por essa cidade. ❤

Ele conta a história de Alice, mas poderia ser minha, sua, de qualquer um de nós. Esse é um diferencial nos livros da Lycia. Seus protagonistas sempre se aproximam da realidade em que vivemos.

Poderíamos dizer que ela, Alice, foge à regra tendo sorte no trabalho e no amor. Sendo mediadora de leilões, não tem maiores dificuldades financeiras, fazendo com que não perca o foco e não enxergando que Casseano, seu namorado, quer elevar o relacionamento para um outro estágio.

– Você não me quer aqui, não é?

Embora penalizada, Alice não respondeu. Não era da sua natureza iludir as pessoas que amava. Mas odiou ver aqueles olhos castanhos amendoados cheios de tristeza por trás dos óculos de grau.

Como uma workaholic nata, não percebe que até seu corpo está pedindo um descanso. Camilla, sua amiga, fiel escudeira e sócia, acompanha a vida de Alice desde sempre. Já prevendo o caos que tudo poderá se tornar, praticamente a obriga a tirar umas férias.

Preciso de um tempo para voltar a sorrir e redescobrir o que me dá prazer. Preciso fugir da pessoa que me tornei, e creio que só você poderá me ajudar a trazer a velha Alice sorridente de volta.

Alice tem algumas atitudes que pelo menos uma vez já tivemos. Uma delas é tomar para si o problema alheio, tornando-se a próxima vítima em potencial do que aconteceu, principalmente se o caso anterior partiu de alguém muito próximo. O fato de ser tão dedicada ao trabalho é como uma fuga para não se entregar emocionalmente. E mesmo assim o desgaste ocorre e ela parte para Londres.

Uma outra característica da escrita da Lycia é a maturidade de seus personagens, sendo protagonistas ou não. É a forma com que aprendem a lidar com o que a vida está lhe oferecendo. Em seus livros sempre aborda assuntos atuais. Em O que eu quero pra mim são especificamente dois. Um deles é uma triste realidade, principalmente em se tratando de mulheres, que não temos muito do que falar a não ser da forma de exterminá-la e da punição do verdadeiro culpado. O outro, já não é tão exposto, mas a cada dia tem se entranhado na vida das pessoas ao ponto de não se enxergarem como seres humanos únicos, fazendo com que viver em função de outro seja sua verdade, que é a codependência.

Quote OQEQPM 1

Alice vai ao encontro de Luana, uma amiga dos tempos da faculdade; conhece Eamon e Pietro, ex-marido e filho de sua amiga; e cada um tem sua parcela na mudança na vida dela. E a recíproca também é verdadeira, já que a presença dela influencia na jornada pra onde a vida dos três caminha. Alice trouxe na bagagem toda a sua neura como companheira. E é pelas ruas de Londres que ela começa a enxergar sob um novo prisma. O contato com Eamon e Pietro é diferente de tudo o que já ocorreu até aqui e faz com que se reporte ao Brasil tentando lembrar-se do que deixou para trás. Ao se deparar com algo que não esperava, seu coração entra em conflito. E ela parte para uma nova viagem… Mas não! Ela não sai de Londres. É uma viagem para dentro de si. Já adianto que é sem clichê. Nada de papinho de autoajuda ou atitudes de menina quando se esperava ações de uma mulher. As idas e vindas são bastante reflexivas e o resultado é daqueles que não poderia ter ocorrido antes.

O que eu quero pra mim é uma leitura deliciosa. O livro é curto. Quando menos você espera, ele acaba. Mas é como eu disse no início: a sensação no término é extasiante. É tudo tão real. Ele te lembra da responsabilidade de suas ações independente se alguém tão próximo passou por algo semelhante ou não. Que seu futuro não está necessariamente em suas mãos, porém o que você faz do seu presente é problema seu e também pode ser a solução para o resto de sua vida.

A verdade é que se relacionar dá trabalho, mas vale a pena. A grande maioria das pessoas não nasceu para viver sozinha, só que algumas demoram um pouco para descobrir isso.

20150624_201306

Leia um trecho aqui.

Compre o seu: Físico | Ebook

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s