Resenha

[Resenha] O Destruidor de Corações, de Vi Keeland

Oi, geeeente, voltei!!! Desculpem o sumiço, mas foi por uma boa causa: emprego novo, vida nova! 😀

E eu volto em grande estilo. Uhuuuu. Trago pra vocês a resenha do lindo Nico Hunter. Sim, O Destruidor de Corações está aqui!!!

Sem mais delongas, vamos ao que interessa!!!

ai-luva-de-boxe-vetor--ai-luva-ilustrador-vetorial--desporto-design-ilustrador-vetorial_11-40928

Livro: O Destruidor de Corações

Autora: Vi Keeland

Editora: Charme

Skoob

Facebook

ai-luva-de-boxe-vetor--ai-luva-ilustrador-vetorial--desporto-design-ilustrador-vetorial_11-40928

Antes de mais nada, pausa para babar a capa…

Capa do livro 1

 

nico

Uhh-lá-lá…

Alguém me abana! 😛

Volta, gente! Não, não pode lamber a capa, embora seja aveludada. 😀 Não percebeu??? Não pode! 😮 Passa a mão. Isso. Maravilhosa sensação, né? A Editora Charme arrasou! apaixonado

Sinopse 1

Não importava que o árbitro tivesse considerado que aquele tinha sido um golpe limpo. Nico Hunter nunca mais seria o mesmo. Elle tem uma boa vida. Um trabalho que ela ama, um apartamento grande, e o cara que ela está namorando há pouco mais de dois anos é um ótimo partido. Mas sua vida é chata… e ela se esforça para mantê-la assim. Muitas emoções são perigosas. Seu próprio passado é a prova viva do que pode acontecer quando você perde o controle.

Então, Nico entra no escritório de Elle e tudo muda… para ambos. Mas o que o lindo lutador de MMA, tatuado e com um corpo de tirar o fôlego pode ter em comum com uma advogada muito controlada? Muito mais do que eles esperavam.

Resenha 1

Esqueça qualquer outro livro com temática de lutador que você tenha lido. Sim, Nico “O Destruidor de Corações” Hunter é um lutador. No entanto, o livro é bem mais do que isso. Desde a primeira vez que o li, gosto de defini-lo como o encontro entre duas almas quebradas, que acham que não merecem o amor de alguém e que ajudam na cura um do outro e encontram o amor.

Arrepia, né? 😉

Eu sei, eu sei, por que Nico não é de verdade? Bem que eu queria… apaixonado

Oi? Resenha? Que resenha? Ahhhhh, é mesmo. Ops, estava viajando. Acontece. Abafa! 😉

Na minha opinião, a autora conseguiu mesclar o drama e o romance na medida exata para sentirmos tudo o que se passa na cabeça e no coração de Elle e Nico, por meio das trocas de ponto de vista (POV) e na forma como cada um reagiu a uma mesma situação.

Se pensarmos bem, é tão fácil alguém se perder na culpa e na dor e se acomodar a uma vida sem brilho. Como bem disse Oscar Wilde:

“Viver é a coisa mais rara do mundo, a maioria das pessoas existe, isso é tudo.”

Essa citação também está em outro livro da Charme que amo de paixão, meu xodó e maridinho lindo, mas isso é assunto para outro post. 😉

Agora, ouço vocês falarem: mas, poooooovo do EBTB, o livro não é hot? Sim, é. Nico é muito sensual e sabe mostrar à Elle exatamente o quanto a estima e deseja. Mas, vejam, essa não é a temática principal do livro, que, na verdade, é a cura dos corações despedaçados, o perdão da culpa, a superação das dificuldades e a abertura para uma nova vida repleta de amor.

Destaco duas cenas opostas que adorei: a primeira é quando conhecemos Gigi e sua voz e a segunda, a recapitulação do passado doloroso de Elle. Eu me diverti muito com a primeira e praticamente consegui imaginar a tal “voz poderosa”.

caixa de lenços tristeJá na segunda, eu revi tudo junto com ela e confesso que meu coração ficou pequenininho e a vontade de chorar foi inevitável. 😥

Foi ruim demais ver uma criança passando por isso e daí entendemos os traumas dela.

.

O resultado é um livro lindo, com personagens apaixonantes (um lutador de tirar o fôlego – posso ficar pra mim??? 😀 ), uma história emocionante e um final super feliz, é claro. Tudo isso condensado em uma tradução primorosa e arte super linda da editora. Eu já falei que a capa é aveludada? Já? 😮 Não custa relembrar! 😉

Você ainda está aqui? Nico Hunter não vai pular da tela, gente! (Quem dera…)

Corra logo e garanta já o seu exemplar na Saraiva ou Amazon. Vamos nos unir por esse amor a esse lutador, em todos os sentidos da palavra, lindo demais.

.

Montibeijo!

beijos

Anúncios

3 comentários em “[Resenha] O Destruidor de Corações, de Vi Keeland

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s