Resenha

[Resenha] Breakable, de Tammara Webber

 

Livro: Breakable

Autora: Tammara Webber

Editora: Verus

capa de livro

capa

 

Sinopse

“Landon Lucas Maxfield teve uma infância privilegiada, levando uma vida tranquila com os pais e tendo um futuro promissor à sua frente – até que uma tragédia impensável destruiu sua família e o fez duvidar de tudo que um dia pareceu tão certo. Agora um intenso e enigmático homem, Lucas só quer deixar o passado para trás. Quando ele conheceu Jacqueline, foi fácil desejar ser tudo aquilo de que ela precisava. Mas se há uma coisa que a vida lhe ensinou é que a alma é frágil e que todos os seus sonhos podem ser destruídos em um piscar de olhos.”

resenha

Quando um amigo precisa nos contar uma história, nós lhe dedicamos tempo e concentração; quando um querido personagem precisa contar sua história, nós compramos o livro, interrompemos tudo e a lemos.

Depois do sucesso de Easy, #1 da série Contours of the Heart, todos nós nos apaixonamos por Lucas, cujo primeiro nome é Landon, mas vou me referir a ele como Lucas mesmo, porque ficamos íntimos. A propósito, escrevo essa resenha ouvindo “Romeo” de Thiago Petit, porque Lucas é assim, um Romeu moderno e sofrido. Um jovem que experimentou a perda traumática e brutal de sua mãe, o completo abandono emocional de seu pai, uma adolescência repleta de exageros, más decisões, envolvimento com drogas, sexo vazio, bullying, humilhações por parte da Diretora do colégio onde estudava, violência e más companhias, desilusões amorosas e, finalmente, o falecimento do avô, única figura de quem Lucas obtinha apoio incondicional e identificação familiar. Está bom para você ou, assim como eu, você ficou com a impressão de que Tammara machucou demais o querido Lucas?

Não fique impressionada: quando iniciar Breakable, parta do princípio de que essa é a história de vida de Lucas, e a autora apenas não dourou a pílula. Se eu tivesse que resumir as 362 páginas do livro em uma frase seria: “Como ele chegou até aqui.”

Essa história é contada alternadamente por Landon (são os capítulos retroativos, tensos) e por Lucas, cujo presente se tornou, digamos, menos denso. O Lucas adulto ainda traz uma imaturidade emocional que o torna vulnerável, mas o leitor irá enxergar 02 coisas que irão alterar seu destino: 01)o protecionismo do amigo e mentor Heller (e toda sua família), e 02)a paixão (correspondida) por Jacqueline, momento em que tudo se encaixa, e toda dor se esvai:

Pág. 83 – “Observá-la fazia meu coração doer como se ele estivesse conectado ao estado emocional dela, em vez de se dedicar à função principal – me manter vivo.”

De uma infância feliz, com um pai amoroso e uma mãe e artista maravilhosa, Lucas passou a ter que enfrentar uma sucessão de erros, más companhias, descaso e desrespeito. A morte brutal de sua mãe alterou suas expectativas, a ponto de Lucas sequer sonhar com uma vida saudável. Ele se culpou pela morte da mãe e o afastamento de seu pai aumentou esse doloroso sentimento.

Página 133: “Havia momentos em que eu surpreendia meu pai olhando para ela como se não conseguisse acreditar que aquela mulher estava na sua cozinha, ou morava na sua casa.”

A única coisa que me incomodou nesse livro foi o conformismo de Lucas com a – sempre tola – separação de classes que se estabelece no ensino médio. Já adulto, ele ainda nutre o preconceito de que ricos não se misturam com pobres, classes não se misturam, etc., e acho que o meu Lucas de Easy não era tão preconceituoso assim. Enfim, o importante é que nosso querido personagem superou essas tolices e, decidida e corajosamente, reivindicou sua amada Jacqueline para si:

Página 140: “Ela se surpreendeu por eu me lembrar do que ela me pedira uma semana atrás. Eu poderia catalogar com prazer suas preferências e o que ela não gostava. Cada um deles. De como ela preferia o café a como gostava de ser beijada, ou que carícia era capaz de fazê-la estremecer da cabeça aos pés.”

Página 169: “Talvez eu não houvesse salvado a vida de Jacqueline naquela noite, mas a salvara de algo que lhe roubaria parte da alma. Eu era consumido pela ideia de cuidar dela e para isso precisava conhecê-la melhor.”

Se você tem alguma dúvida de que nosso Lucas é romântico, posso lhe dizer que ele é praticamente o herói, o companheiro, o doce amigo, o homem alfa e dedicado que é o sonho de toda leitora. Basta apenas que você dê uma chance para que ele lhe mostre sua trajetória de vida, garantindo a você longos suspiros e uma intensa apaixonite literária!

Quase esqueci: você irá se apaixonar pelo gato Francis, o peludo blasé de Lucas, que… não vou contar, seria spoiler!

Página 340: “porque agora a conhecia o suficiente para olhar dentro daqueles olhos e ver quando ela tramava alguma coisa. Não me importava. Eu faria qualquer coisa que ela me pedisse.”

Espero que Tammara também conte a história de Erin, a amiga doidinha de Jacqueline, e Carlie, a filha de Heller e amiga de Lucas, são duas personagens que me cativaram.

Parabéns à Editora Verus pelo capricho com que o livro foi lançado: a tradução, capa, grafismos e acabamento final do livro estão impecáveis. Nota 10, “cum laude”.

sobre-o-autor

 

Foto Tammara WebberTammara escreve ficção romântica Young adult e New Adult. Antes de ser escritora em tempo integral, trabalhou como conselheira acadêmica, tutora em economia, gerente de planetário e, segundo ela, foi a pessoa mais pálida a trabalhar em um salão de bronzeamento. É uma romântica que adora histórias com finais felizes, porque já existem finais bastante tristes na vida real. Casou-se com seu namorado de colégio e é mãe de três filhos adultos e quatro gatos muito imaturos.

 

 

 

 

 

Onde encontrar: Saraiva

 

Anúncios

2 comentários em “[Resenha] Breakable, de Tammara Webber

    1. Olá Eliana, concordo com você. Realmente é impossível não se apaixonar por Lucas e por Tammara, ambos têm tudo que nós leitoras gostamos.
      Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s